Risco e retorno em investimentos: uma fábula de três moedas

flip-coin

Risco e retorno são conceitos fundamentais em investimentos. A combinação de classes de ativos com diferentes riscos e retornos é a receita básica para uma carteira equilibrada. Apesar disso, poucos investidores compreendem como ambos os conceitos se relacionam.

Neste artigo, vamos conduzir a explicação sobre risco e retorno de um jeito que você nunca mais vai esquecer. Você entenderá também como a diversificação contribui para diluir o risco da sua carteira de investimentos. Vamos lá?

Categorias: O que você precisa saber

O melhor lugar para o seu dinheiro… pode não ser o banco

Felipe Sotto-Maior e outros empreendedores no Cubo

Você faz investimentos no banco onde tem conta corrente? Talvez já tenha se incomodado com algumas coisas. De um lado, a dificuldade de decidir onde investir: são produtos financeiros diversos, nenhuma solução pensada para as suas necessidades. Do outro, as taxas altas, muitas vezes escondidas, que minguam a rentabilidade das suas aplicações. Sem falar em falta de transparência, burocracia, conflito de interesses…

Graças à tecnologia, estão surgindo no mercado brasileiro startups dedicadas a oferecer serviços que resolvam melhor os seus problemas, de forma mais prática, com mais qualidade e menos custos. Essas empresas são chamadas de fintechs – a Vérios é uma delas.

Categorias: Planejamento pessoal, Por dentro da Vérios, Vérios na mídia

Como investir de forma inteligente, sem ser um especialista

Imagem: que caminho seguir? Interrogações

Se você está aqui lendo este artigo, é porque tem um problema: você quer investir bem o seu dinheiro. Certo?

Você não está procurando soluções financeiras porque não tem mais o que fazer. Você está aqui porque tem um problema e busca resolvê-lo da melhor forma possível. Mas isso cria um outro problema: qual é a maneira mais inteligente de investir? Como descobrir isso com uso eficiente dos seus recursos, incluindo seu tempo?

Categorias: Planejamento pessoal, Plano de investimento, Por dentro da Vérios

7 coisas que você não sabia sobre o FGC

Boia salva-vidas: Fundo Garantidor de Créditos (FGC)

Você investe em LCIs, LCAs ou CDBs? Certamente, um dos motivos que o levaram a escolher esses investimentos é a segurança proporcionada pelo Fundo Garantidor de Créditos, o FGC. Essa é a instituição responsável por ressarcir os investidores se o banco emissor quebrar ou der calote.

A garantia oferecida pelo FGC é, atualmente, limitada ao valor de R$ 250 mil por CPF e por instituição financeira. Isso você já deve saber. Mas você faz ideia do saldo de que o Fundo dispõe para honrar com as garantias, em caso de inadimplência do banco? Ou quanto tempo pode demorar para você receber seu dinheiro de volta?

Apuramos algumas informações e curiosidades para você conhecer melhor o garantidor dos seus investimentos em crédito privado.

Categorias: CDB, LCI e LCA, Poupança, Tipos de investimentos

É possível perder dinheiro no Tesouro Direto? Caso 2: Tesouro IPCA+ com Juros Semestrais (NTNB)

Gráficos subindo e descendo: Tesouro IPCA+ com Juros Semestrais (NTNB)

Em 2015, os indexados à inflação foram os títulos mais populares do Tesouro Direto1. Faz todo o sentido: em um cenário de inflação e juros nas alturas, o Tesouro IPCA+ funciona como uma garantia da proteção do poder de compra do seu patrimônio, com um ganho adicional.

O que não é tão popular assim é a dinâmica de precificação e rentabilidade desses títulos de inflação. Se o título é indexado à inflação, como pode o IPCA subir e o valor dos títulos cair?

Categorias: Títulos públicos

Algoritmos e o futuro dos investimentos

aninha-math-edited2

Se você não é da área de Exatas, a ideia de um algoritmo pode parecer complicada. Ironicamente, são eles que fazem muitas coisas na sua vida ficarem bem mais simples.

A palavra algoritmo vem do árabe al-Huwârizmî e significa operação ou processo de cálculo. O uso de algoritmos está na essência das transformações disruptivas que ocorreram na maneira como solucionamos problemas cotidianos. Isso graças aos avanços em tecnologia da informação, que permitiram operações de cálculos em larga escala e a entrega de experiências personalizadas.

Categorias: Planejamento pessoal, Por dentro da Vérios

Quanto custa cada tipo de investimento? Descubra as taxas escondidas

custos-investimentos-fb

Investir é transferir o seu dinheiro do presente para o futuro, e existem diversas maneiras de fazer isso. Todas elas, porém, têm um ponto em comum: custos. Afinal, não existe almoço grátis. Todos os produtos e serviços financeiros têm custos para você. Você tem uma ideia clara de quais custos está pagando para investir? Talvez você se surpreenda.

Ao contrário de outros itens de consumo, você não vê o dinheiro saindo quando “compra” um investimento: o preço que você paga para investir pode ser descontado em vários momentos e de várias formas diferentes. Por isso, os custos dos investimentos têm, digamos, uma tendência à invisibilidade. Some-se a isso a falta de transparência típica do mercado financeiro, e a realidade é que poucos investidores conseguem dizer, na lata, quais os custos que pagam para investir.

O que tem na sua carteira de investimentos hoje? Fundos, Tesouro Direto, CDB, talvez algumas LCIs? Neste artigo, vamos ajudar você a destrinchar os custos – muitas vezes ocultos e difíceis de compreender – que incidem sobre os principais tipos de investimento disponíveis no Brasil.

Categorias: Ações, CDB, Compare e entenda, ETFs, Fundos de investimento, LCI e LCA, Poupança, Títulos públicos

As manadas e os neurônios-espelho

neuronios

Já se perguntou por que as pessoas ficam tão envolvidas, por exemplo, com esportes? Parecemos um bando de malucos. Ficamos ansiosos, nervosos, roendo unhas e suando frio durante um jogo importante. O mesmo ocorre no cinema, quando assistimos a um bom filme. Há algo em nossa mente que nos conecta a outras pessoas quando as observamos, sejam elas jogadores de futebol, atores em um filme ou, simplesmente, alguém que encontramos ao acaso.

Categorias: Cansou de ler sobre investimentos?, Economia comportamental

Infográfico: Como nossos leitores lidam com investimentos

img_infografico

Milhares de pessoas acessam o blog da Vérios todos os meses. Talvez você seja uma delas. O que vocês estão procurando? Quais suas dificuldades com investimentos?

No mercado tradicional de investimentos, tem muita gente interessada em dizer o que você deve fazer, onde você deve aplicar seu dinheiro, sem ao menos entender seu perfil, suas necessidades.

Na Vérios, a gente busca uma relação seja de mão dupla. Interagir com nossos leitores já faz parte do nosso dia a dia, mas dessa vez resolvemos fazer uma pesquisa “de verdade”. Assim, conseguimos montar um panorama de como nossos clientes e leitores lidam com investimentos. E compartilhamos ele com você no infográfico a seguir.

Categorias: Planejamento pessoal, Por dentro da Vérios

Rebalanceamento da carteira de investimentos: o que você precisa saber

gangorra-rebalanceamento

Investir é transportar seu patrimônio financeiro do presente para o futuro. A melhor maneira de fazer isso é adotando uma estratégia consistente de alocação de ativos1Por isso, quando você constrói uma carteira diversificada, são definidos os percentuais ideais de cada tipo de investimento para compor um mix adequado ao seu perfil de tolerância a risco. Mas essa estratégia só funciona se você for capaz de manter a alocação por longos períodos, em diferentes condições do mercado.

Não dá para saber ao certo se na semana que vem a taxa de juros estará mais alta ou mais baixa; mas certamente ela flutuará. Assim como a bolsa de valores, a inflação… Alguns ativos da sua carteira irão se valorizar, enquanto outros se desvalorizarão. É uma questão de tempo até a alocação da sua carteira de investimentos se distanciar das proporções inicialmente estabelecidas. É então que o rebalanceamento deve entrar em cena.

Categorias: Aposentadoria, Economia comportamental, O que você precisa saber, Planejamento pessoal, Plano de investimento