Definindo o prazo dos seus investimentos

Mesmo que ainda não saiba exatamente como vai gastar seu dinheiro, você deve ter uma ideia de quando precisará dele. Isso é fundamental para decidir onde investir.

Os investimentos mais arriscados passam por períodos bons e ruins, o que dificulta a previsão dos resultados. Um investidor que vai precisar do dinheiro em menos de 3 anos corre o risco de passar apenas por momentos ruins do mercado e ter rentabilidade abaixo do esperado ou mesmo negativa.

Em prazos maiores, é mais provável que se alcance melhores retornos, pois os movimentos da economia e do mercado são cíclicos e não temos como saber em qual momento estamos. Assim, no longo prazo é possível superar os momentos ruins e alcançar melhores rentabilidades, além de avaliar melhor a qualidade do investimento. A diversificação também é importante para lidar com isso.

E fique atento! Um objetivo de 4 anos, após passados 3 anos, torna-se um investimento de curto prazo. É importante planejar eventuais realocações e a sua saída do investimento.

Em resumo

Se seus objetivos são de longo prazo, você tem espaço para buscar melhores rentabilidades. Já para os objetivos de curto e médio prazo, é preciso aumentar a atenção sobre o controle de risco.

Quando você vai precisar do dinheiro?

Em até 3 anos

Não assuma riscos!

De 3 a 7 anos

É possível ter alguma flexibilidade e assumir um pouco de risco em busca de rentabilidade.

Daqui a mais de 7 anos

Você tem espaço para buscar melhores rentabilidades.

——–
Gostou deste artigo? Ele faz parte de um guia completo, que busca responder uma dúvida muito comum: Como escolher um fundo de investimento? Clique para ler.

Categorias: Plano de investimento