Fundo Opus Equity Hedge

A Gestora

Fundada em 2004 por Eduardo Plass e José Mario Osório, ex-sócios do Banco Pactual, a Opus é uma gestora independente de recursos que atua na gestão de capital próprio e de terceiros. A empresa tem como lema “rentabilidade com preservação de capital”, que reflete diretamente na gestão de seus fundos e pode ser constatado através da consistência de retornos e aumento progressivo do patrimônio total gerido.

O patrimônio sob gestão é na ordem de R$ 2 bilhões. A gestora adota uma política interessante em termos de alinhamento de interesses: os sócios possuem seus recursos investidos nos mesmos produtos oferecidos aos clientes.

Os sócios possuem seus recursos investidos nos mesmos produtos oferecidos aos clientes

As teses de investimento são construídas e implementadas por um time de 23 profissionais, possuindo abordagem fundamentalista top-down, ou seja, aquela que parte do cenário macroeconômico para uma análise microeconômica individualizada dos ativos. Esta abordagem promove uma interação muito grande entre os times de pesquisa macro e a equipe de gestão.

Além da gestão de recursos, a empresa presta serviços financeiros (reestruturação financeira, fusões & aquisições, assessoria estratégica e consultoria de gestão) e também possui uma área de investimento de longo prazo (ativos imobiliários e investimento em empresas).

Fundo Opus Equity Hedge

Com patrimônio de mais de R$ 170 milhões e cerca de 900 cotistas, o Opus Equity Hedge FIC FIM é o fundo de maior destaque da casa. Trata-se de um fundo multimercado com foco em renda variável. A sua estratégia, long & short direcional, busca distorções intersetoriais (papel ou setor vs. índice) e intra-setoriais (entre empresas pares ou empresa vs. setor).

Compõem a estratégia do fundo as chamadas arbitragens, que contribuíram bastante para o retorno positivo nos últimos meses

Também compõem a estratégia do fundo as chamadas arbitragens, que contribuíram bastante para o retorno positivo nos últimos meses. Exemplos de arbitragem são oportunidades de ganho decorrentes de distorções de preço entre ações ordinárias (ON) e preferenciais (PN) de uma mesma companhia ou, entre ações de uma subsidiária e sua holding. Um outro tipo de arbitragem é a arbitragem do índice futuro do Ibovespa e sua carteira à vista. Estas estratégias colaboram para a diminuição da volatilidade do fundo, melhorando a consistência de retorno.

O objetivo dos gestores do fundo é entregar um retorno de CDI + 6% ao ano no médio prazo, o que equivale a aproximadamente 155% do CDI no cenário de juros atual.

O objetivo dos gestores do fundo é entregar um retorno de CDI + 6% ao ano

O fundo foi criado no final de abril de 2011 e nos primeiros 8 meses ficou fechado para captação, período durante o qual os gestores puderam testar os limites de risco e estratégias de investimento. No início de 2012, após o período de testes e consolidação da estratégia, o fundo foi aberto para os investidores.

Ficha técnica do fundo

Nome
Opus Equity Hedge FIC FIM
Destina-se a
Investidores em Geral
Categoria Anbima
Multimercado Long and Short Direcional
Taxa de administração
2% ao ano
Taxa de performance
20% sobre o que exceder o CDI
Aplicação Mínima
R$ 10 mil
Movimentação Mínima
R$ 5 mil
Prazo de Resgate
30 dias corridos, + 1 dia útil para pagamento
Gestora
Opus Gestão de Recursos Ldda.
Administrador
BNY Mellon Serviços Financeiros DTVM S.A.
Custodiante
Banco Bradesco S.A.
Auditor
KPMG Auditores Independentes
CNPJ
13.113.318/0001-20
Documentos
Lâmina Prospecto Regulamento

 

Todas as informações deste artigo foram obtidas em documentos oficiais do fundo, no website da gestora e/ou em conversa com a equipe da gestora.

Categorias: Fundos de ações, Fundos de investimento, Fundos multimercados