Postado em: Tipos de investimentos>Fundos de investimento Por:
12 de Janeiro de 2012 Ultima atualização: 17 de agosto de 2018

Não invista nos fundos indicados pelo seu banco

12 de Janeiro de 2012

Quem junta algum dinheiro para investir vai direto ao site ou gerente do banco para saber o que fazer e onde aplicar, e confia que o banco vai indicar as melhores aplicações possíveis, certo? Mas se observarmos as principais aplicações recomendadas pelos grandes bancos, veremos que praticamente todas têm um desempenho bem abaixo do aceitável.

Veja o gráfico comparativo a seguir: todos os cinco principais fundos do país, somando mais de R$ 17 bilhões e 2,3 milhões de cotistas, perdem para o CDI em qualquer espaço de tempo.

Clique na imagem para poder navegar na comparação, ver mais detalhes e tirar suas próprias conclusões. Entenda por que comparar fundos de investimento com o CDI.

Isso não é por acaso. Vamos olhar do ponto de vista do banco: a maior parte dos investidores não sabe o que fazer, confiam na instituição em que recebem seu dinheiro e, na maioria dos casos, não têm mais opções. Dessa forma, os bancos não têm muitos incentivos para apresentar opções realmente vantajosas para os investidores.

Além disso os bancos possuem uma estrutura gigante para atender todo mundo: agências no país inteiro, um batalhão de funcionários e ainda anunciam no horário nobre da televisão. Para pagar esses aluguéis, salários, propaganda e ainda ter lucro (um bom lucro, por sinal), eles têm que cobrar altas taxas de administração, que prejudicam a rentabilidade dos investimentos.

Onde estão os melhores fundos?

É claro que quando o cliente tem muitos recursos para investir, certamente terá acesso a investimentos melhores.

Existem diversos fundos que são apenas oferecidos aos chamados “clientes private” – aqueles cujo patrimônio já supera alguns milhões de reais. Ou seja, mesmo os clientes “prime”, “uniclass”, “cinco estrelas” e outros dos segmentos premium dos bancos de varejo não têm acesso a estes fundos.

Olhe com desconfiança para as recomendações do seu banco. Analise cuidadosamente as taxas antes de investir. Uma das principais formas de aumentar a rentabilidade dos seus investimentos é reduzindo os custos embutidos.

Por meio de corretoras, assessores de investimento e plataformas abertas, é possível ter acesso a fundos de melhor qualidade de gestoras independentes. Se tiver dúvidas sobre como acessar esses produtos, entre em contato com a Vérios.

Este artigo foi útil para você?
Não invista nos fundos indicados pelo seu banco
4.5 (90%) 2 votes

Compartilhe:
12 de Janeiro de 2012
Ultima atualização: 17 de agosto de 2018

Você pode gostar também…

96 3 1 min de leitura

3 razões para você não investir com seu banco

Aplicar recursos no mesmo banco onde você mantém sua conta corrente, apesar de cômodo, está longe de ser a melhor opção. Principalmente se seu patrimônio está ent...

Continue lendo

Autores

Um dos cofundadores da Vérios, Resende é gestor de recursos credenciado pela CVM e especialista em Data Science

Comentários