Qual é o melhor investimento hoje?

Se você pesquisou sobre o “melhor investimento” no Google, deve ter encontrado uma enxurrada de páginas oferecendo uma resposta fácil. Algumas vão vender seus produtos financeiros, outras vão fazer indicações com base em previsões sobre a economia, outras ainda vão apresentar rankings de rentabilidade passada…

A resposta que vou dar é um pouco menos pontual, um pouco mais elaborada, mas garanto que será um aprendizado que você vai levar para a vida toda.

Antes de tudo: o melhor investimento existe mesmo?

Em seu livro Behavior Gap (“Você e seu dinheiro”, na edição traduzida), o consultor financeiro Carl Richards alerta que costumamos gastar muito tempo e energia tentando encontrar os melhores fundos, ações e outros investimentos.

Setores inteiros da economia se constroem ao redor desse Eldorado. Vamos esclarecer agora mesmo: essa história de melhor investimento não existe
(Carl Richards)

“As revistas estampam essa procura em suas capas e os autores escrevem livros a respeito dela. Setores inteiros da economia se constroem ao redor desse Eldorado. Mas vamos esclarecer o assunto agora mesmo: essa história de melhor investimento não existe”, afirma Richards.

Encontrando o melhor investimento

Para o autor, a noção de que em algum lugar existe um investimento que supera todos os outros não faz sentido. Isso porque nenhum investimento é bom para todo mundo. O melhor investimento para você vai depender de fatores pessoais, como objetivos e tolerância a risco.

Mas eu sei como é. Mesmo entendendo que o melhor investimento não existe, talvez você sinta que não está investindo do jeito certo. E, por mais que fatores pessoais sejam determinantes na escolha do investimento, algumas regras são bem gerais, e estão relacionadas ao prazo que você tem para deixar seu dinheiro investido.

Por isso, iremos abordar, a seguir, algumas orientações para que você possa identificar se os seus investimentos estão, ou não, cumprindo o papel que você deveria esperar deles.

Antes de ir adiante, porém, precisamos concordar em dois pontos:

1. Rentabilidade não é tudo

Segurança é premissa de um bom investimento. Deixar a ganância conduzir suas decisões pode ser um desastre ou, no mínimo, uma fonte em potencial de muito estresse e ansiedade. Escolher um investimento com base na rentabilidade passada é um comportamento financeiro que você deveria abandonar.

2. É preciso definir seu horizonte de investimento

Isso tem a ver com objetivos. Por que você está investindo? O prazo em que você manterá seu dinheiro aplicado, ou horizonte de investimento, é um fator-chave na definição da solução mais adequada para o seu patrimônio.

Soluções simples e sofisticadas

Você já se preocupa com a sua aposentadoria? Considera comprar um apartamento? Talvez, quem sabe, esteja pensando em tirar um ano sabático?

O melhor investimento, em cada caso, vai depender do seu perfil e dos seus planos. Para cada objetivo, você deve buscar uma estratégia de investimento adequada. Algumas estratégias são consideradas soluções simples, outras são mais sofisticadas.

Soluções simples devem orientar seus investimentos de curto e médio prazo (até três anos). É o caso da sua reserva para emergências, da economia para uma viagem, da aquisição de um bem… O mais importante é ter liquidez e evitar riscos.

Soluções simples são para seus planos de curto prazo. Para construir patrimônio, busque uma solução sofisticada, com diversificação e custos baixos

Assim, investimentos em títulos públicos indexados à Selic, CDBs ou fundos de renda fixa com resgate em até cinco dias podem atender à sua necessidade.

Agora, se você já “passou de fase” e está se empenhando para construir patrimônio, precisa de algo a mais.

Soluções sofisticadas são os melhores investimentos para você no longo prazo. Elas precisam ser boas o suficiente para acompanhá-lo por toda sua vida em direção aos seus objetivos mais distantes. Aqui, diversificação e custos baixos são imprenscindíveis. Vamos nos deter um pouco mais nesse tipo de solução?

Investindo para o longo prazo

A garantia da sua segurança financeira passa por converter os frutos do seu trabalho e sua economia do presente em fonte de renda no futuro. É essa a expectativa que você tem quando investe em um plano de previdência privada ou quando constrói sua própria carteira de investimentos, correto?

Uma pessoa com 40 anos e expectativa de vida de quase 90 anos precisará de uma solução sofisticada de investimento por cerca de 50 anos – desde a construção do patrimônio até o período de fruição e transmissão dos bens.

O melhor investimento está mais relacionado ao seu  planejamento hoje do que ao comportamento do mercado no futuro

Nessa hora, você já deve estar se perguntando: “Então quer dizer que eu devo investir pensando em um prazo de 30, 40 ou 50 anos ou mais? Os economistas erram até nas projeções para o ano que vem! Como é possível eu me programar para investir por décadas?”.

Você tem razão. Nem mesmo Warren Buffett sabe dizer se a bolsa estará em alta na próxima semana, ou como estará a taxa de juros daqui a um ano. Mas o ponto não é esse.

É muito difícil e arriscado fazer projeções, principalmente para prazos tão longos. Por isso, as soluções sofisticadas não trabalham com adivinhações, e sim com planejamento.

Características dos melhores investimentos para o longo prazo

Alguns princípios são tão valiosos para o sucesso dos seus investimentos que temos certeza que vão passar gerações e eles vão se manter firmes. Alguns desses princípios foram cunhados há décadas – como a diversificação defendida pela Teoria Moderna do Portfólio -, aperfeiçoados ao longo do tempo, e são referência até hoje.

Checklist para uma solução sofisticada de investimento

✔ Construir e manter uma carteira diversificada em classes de ativos

✔ Manter baixos os custos que você paga para investir

✔ Evitar os investimentos da moda (muitos tentarão seduzir você!)

✔ Rebalancear e avaliar sua carteira periodicamente

Nessa longa jornada, alguns períodos serão melhores, outros nem tanto. Se você tiver uma estratégia de longo prazo, em vez de ficar desesperado e sem saber o que fazer nos momentos desfavoráveis, você terá o conforto de saber que está investindo da maneira correta, seguindo princípios, e não se deixando levar pelas ondas do mercado. As palavras de ordem são disciplina e foco.

Para concluir, espero que você tenha compreendido que o melhor investimento não é “o” melhor investimento, e sim aquele que melhor se ajusta ao seu perfil e objetivos. Se ainda restou alguma dúvida, fique à vontade para fazer sua pergunta.

Qual é o melhor investimento hoje?
5 (100%) 1 voto

Categorias: Aposentadoria, Planejamento pessoal, Plano de investimento